"O MAL SÓ TRIUNFA QUANDO OS HOMENS DE BEM NADA FAZEM". Edmund Burke.

quarta-feira, 25 de setembro de 2019

Será que homens sofrem com falta de desejo sexual?

A falta de desejo sexual é chamada de queda de libido. Sim, homens podem sofrer de queda de libido, embora homens sejam vistos, principalmente os homens gays, como seres com um gás sexual sempre em alta.

Um estudo envolvendo 5.000 homens mostrou que num grupo com idade entre 18 e 29 anos, 14% mostrava desinteresse pelo atual sexual. E 17% foi reportado num grupo com homens entre 50 59  anos.

E quais poderiam ser as causas para que o homem perca o desejo sexual?

1) Queda do hormônio masculino, testosterona: o envelhecimento causa isso, iniciando-se aos 40 anos. Situações como obesidade, apneia do sono de causa obstrutiva também podem levar à diminuição da testosterona

2) Efeito colateral de alguns tratamentos: antidepressivos, opioides para o tratamento da dor, beta bloqueadores para tratamento da hipertensão arterial no sangue e também como efeito do abuso de bebidas alcoólicas e drogas de uso social (maconha, cocaína, ecstasy, heroína, entre outras).

3) Cansaço físico, principalmente o crônico.

4) Ansiedade, estresse emocional.

5) Problemas de relacionamento com o parceiro: infelicidade conjugal ou sentimentos de raiva, diminuem o desejo sexual de um pelo outro.

6) Tédio: quando o sexo vira rotina de um casal, principalmente nos relacionamentos mais longos, o desejo pelo sexo entre eles diminui. Muito tempo fazendo as mesmas coisas, sem novidades, pode ser entediante para alguns.

Como podem ter observado, mudanças comportamentais, dosagem e correção dos níveis hormonais e resolução de problemas conjugais, podem trazer de volta o desejo pelo sexo. Ou seja, tem solução. 

quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Ereções e grupo sanguíneo.

Pelo incrível que pareça, grupos sanguíneos podem evidenciar uma maior tendência à impotência sexual masculina. 

Grupos sanguíneos (A, B, AB, O) são determinados por reações no nosso organismo a anticorpos que existem na corrente sanguínea para nos proteger das infecções.

Um trabalho na Europa envolvendo 350 homens na faixa de 62 anos, mostrou que homens com grupo sanguíneo O, seja Fator Rh negativo ou positivo, referiam melhores escores na avaliação do desempenho sexual.

Não necessariamente homens com grupo sanguíneo A, B ou AB, sejam Fator Rh negativo ou positivo, terão problemas de ereção, até porque se sabe que estilo de vida, idade, doenças associadas como cardiopatias e Diabetes, uso de medicamentos para controle da hipertensão arterial no sangue, tabagismo, etilismo, têm influência grande na qualidade sexual do homem.